Terra Madre Brasil - Rede Nacional de Comunidades do Alimento

8/09/2008

Comunidades da Agroecologia – Terra Madre 2008

A Agroecologia é a abordagem da agricultura que integra diversos aspectos agronômicos, ecológicos e socioeconômicos, na avaliação dos efeitos das técnicas agrícolas sobre a produção de alimentos e na sociedade como um todo. Este modelo de agricultura sustentável baseia-se nos conhecimentos empíricos dos agricultores, acumulados através de muitas gerações, ligados ao conhecimento científico atual para que, em conjunto, técnicos e agricultores possam fazer uma agricultura com padrões ecológicos (respeito à natureza), econômicos (eficiência produtiva), sociais (eficiência distributiva) e com sustentabilidade a longo prazo.

A Agroecologia engloba modernas ramificações e especializações, como a agricultura biodinâmica, agricultura ecológica, agricultura natural, agricultura orgânica, os sistemas agro-florestais, permacultura, etc. Os sistemas agroecológicos têm demonstrado que é possível produzir propiciando a possibilidade natural de renovação do solo, facilitando a reciclagem de nutrientes, utilizando racionalmente os recursos naturais e mantendo a biodiversidade.

Saiba mais sobre Agroecologia no Portal Agroecologia, no site da Rede Ecovida e a Articulação Nacional de Agroecologia (ANA) e no portal Ambiente Brasil.

A agroecologia permeia o trabalho de todas as comunidades do alimento da rede Terra Madre Brasil. Dentre elas, as que focam seu trabalho principal na Agroecologia são:

  • JOVENS AGROECOLOGISTAS DE ABARÉ

A comunidade é composta por 34 pessoas dentre mulheres e jovens agricultores familiares que trabalham com apicultura, artesanato com fibra de bananeira, horticultura orgânica e fruticultura. Produzem mel de abelhas, banana, mamão, goiaba, hortaliças orgânicas, feijão, milho e amendoim. A venda dos produtos é feita em mercados locais, cidades próximas e, no caso da banana e o mamão, em todas as regiões. O grupo participa de algumas redes, está entrando no projeto de comercialização com a Unisol, e quer montar uma unidade modelo com os princípios de produção orgânica.
Área de produção: Paulo Afonso, Bahia, Região Nordeste
Coordenador da comunidade: Jerson Souza

  • “VIDA E PRESERVAÇÃO” E “SABOR DO CERRADO”

O “Grupo Vida e Preservação” e o “Grupo Sabor do Cerrado” trabalham com agricultura familiar orgânica de forma sustentável, e têm como objetivo principal produzir de forma a amenizar a agressão do homem na natureza. Atualmente, são 08 famílias de agricultor(a)s envolvidas e cada família é responsável por produzir 5 itens diferentes (hortaliças e frutas) para serem comercializados, dentre grãos, artesanato e hortaliças em geral.
Área de produção: Padre Bernardo, Goiás, Região Centro Oeste
Coordenador da Comunidade: Teobaldo Rocha

  • MULHERES AGROECOLOGISTAS DE HORTO VERGEL – AMA

A AMA – Associação das Mulheres Agroecologistas – é formada por mulheres do assentamento 12 de Outubro. Cada um dos cinco sítios cultiva produtos para a subsistência e para o comércio. O foco é produzir alimentos sem insumos químicos, plantas medicinais, mandioca e seus derivados, banana, galinha caipira, ovos, entre outros. A AMA tem também uma casa de farinha de uso comum, onde são produzidas a farinha crua, torrada, puba, tapioca e beiju. Além disso, mantém um restaurante onde elaboram pães, doces e artesanatos e, um banco de sementes para servir de suporte nas plantações futuras.
Área de produção: Mogi-Mirim, São Paulo, Região Sudeste
Coordenadora da comunidade: Maria Ileide Teixeira

  • AGROECOLOGISTAS DE PARECI NOVO

A comunidade é formada por 17 famílias, no município de Pareci Novo, que cultivam produtos orgânicos certificados pela Rede Ecovida e Ecocert. Através do plantio de árvores frutíferas cítricas (limão, laranja, maracujá e tangerina) além de goiaba, figo, melancia, abóbora, cana-de-açúcar e olerículas em geral, são produzidas geléias e doces sem adição de açúcar, compotas tradicionais, sorvetes, sobremesas cremosas, conservas de legumes e cachaça artesanal. Além disso, produzem suco de fruta, que é feito extraindo-se a parte líquida da fruta imediatamente após a colheita, pasteurizando-a rapidamente e engarrafando-a em vidros, sem conservantes. A comunidade possui pequenas unidades de processamento e comercializa seus produtos em grandes feiras orgânicas, através das cooperativas e em casas de produtos naturais.
Área de produção: Pareci Novo, Rio Grande do Sul, Região Sul
Coordenadora da comunidade: Maria Helena da Rocha

  • PRODUTORES ORGÂNICOS DE SANTA ROSA DE LIMA

A Associação dos Agricultores Ecológicos das Encostas da Serra Geral – AGRECO é formada por 150 famílias associadas que são em sua maioria descendentes de alemães e italianos, e conta com 20 agroindústrias familiares, 50 delas com certificação orgânica, produzindo mais de 50 produtos. Os alimentos da AGRECO são resultado de um sistema de produção que utiliza os recursos naturais de forma sustentável, visando um planeta mais saudável. Entre os produtos oferecidos destacam-se: açúcar mascavo, mel, melado, molho de tomate, banana passa, doces e geléias, conserva de legumes. Também produzem bolos, sorvetes, cereais e processam galináceos criados em pequenas propriedades rurais. A diversidade desses produtos garante o equilíbrio das propriedades rurais familiares, permitindo assim a produção vegetal e criação animal. Os agricultores familiares processam a matéria-prima no local, em agroindústrias de pequeno porte pertencentes aos membros da comunidade e todo o processo é certificado pela Ecocert.
Área de produção: Santa Rosa de Lima, Santa Catarina, Região Sul
Coordenadora da Comunidade: Karina Kirchner Roecker

  • CAFÉ AGROECOLÓGICO CHÃO FELIZ

Somos a Coofeliz, uma cooperativa de agricultores e agricultoras familiares que trabalham nos princípios da Economia Solidária, situada no município de Espera Feliz, nas montanhas de Minas Gerais – Brasil. Envolvendo em nossa rede mais de 400 famílias entre produtores e consumidores, retirando da mãe terra os produtos CHÃO FELIZ, produtos de luz como o café, milho, feijão, frutas, legumes, verduras e tantos outros, trabalhamos com pequenos animais como, aves, caprinos e suínos. Nossos produtos são comercializados no Mercado Solidário, em entregas de cestas ao consumidor, no projeto Conab abastecendo as escolas, assegurando a qualidade da saúde e do aprendizado dos alunos. Investimos nos processos formativos através de cursos, palestras e oficinas abordando os temas de agroecologia e economia solidária, mostrando que o movimento da terra é solidário. Para nós da Coofeliz plantar, colher e comercializar é uma ato de vida, um convite para dançarmos a dança contagiante de gaia.
Aréa de produção: Espera Feliz, Minas Gerais, Região Sudeste
Coordenador da comunidade: Juseleno Anacleto

Se a terra é mãe
não somos mais
trabalha…dores
aprendemos a
trabalha…amores
tirando do solo
os produtos
CHÃO FELIZ
levando pra mesa
a alquimia da vida
que nos nutre
de sonhos
rumo a terra
de todos,
a terra madre

5 Comentários

  • 1. Alessandra  |  9.09.08 às 8:13

    O que mais me admira é o conhecimento dos agricultores passado de Pai para Filho sobre a sustentabilidade, culturalmente, naturalmente…
    Lindo trabalho! Lindo resgate! Parabéns a todos os envolvidos!!!

  • 2. katia Karam Toralles  |  9.09.08 às 9:15

    achei muito interessante este destaque para as comunidades agroecologistas. E merecido, pois são comunidades que se empenham em levantar a bandeira da agroecologia e fazê-la de fato uma alternativa sustentável.
    Legal também ver que o casamento rede Terra Madre e redes de agroecologia no Brasil vingou, sementinha que começamos a gestar no II ENA, (encontro nacional de agroecologia), em Recife, 2006.
    Mais legal ainda foi terminar a página com este lindo poema. É do Amauri, não é?

  • 3. Roberta Sa  |  10.09.08 às 9:06

    Katia,
    Posso te garantir que foi tarefa difícil separar as comunidades agroecologistas, pois a agroecologia é um fio muito importante da nossa rede e todas as comunidades, de um jeito ou de outro, estão envolvidas.
    E você acertou em cheio…o poema é mesmo do Poeta Biodinâmico Amauri!

  • 4. Iara Alves  |  7.10.08 às 11:43

    Um exemplo de trabalho, respeito e união.
    Parabéns a todos pelo sucesso diário conquistado por vocês…

  • 5. marluce  |  9.11.08 às 8:12

    olá!
    Muito bonito o trabalho de vc´s! Estava pesquisando sobre animais e frutos organicos quando encontrei esse site. meu pai tem umas 60 tarefas de terra onde na maior parte planta cana, mas estavamos querendo mudar essa plantação. gostaria de saber como podemos proceder para investir na plantação de frutas e cultino de animais. Se puder me dar algumas dicas ficarei grata, sou de alagoas. bjoooos

Ecogastronomia Extinção de espécies alimentícias Programação detalhada do eventoVozes do Terra Madre Voluntários
Realizado por:
Slow Food
Em colaboração com:
Regione del Veneto IMCA
Educação em FocoFunarte
Em parceria com:FIDA
SIDMINCSDTMDABrasil - Governo Federal
DoDesign-s Design & Marketing

» Terra Madre Brasil | Fazer login

© 2010 Todos os direitos reservados aos autores das fotos e textos.
Não é permitido reproduzir o conteúdo deste site sem citar a fonte, link e o autor.