Terra Madre Brasil - Rede Nacional de Comunidades do Alimento

5/10/2008

Estou à sua espera, estamos à sua espera

Escrito por: Carlo Petrini

Carlo Petrini no Terra Madre 2006 - Foto: Marcos AlvarezEstou à sua espera, todo o mundo Slow Food italiano está à sua espera. Quem esteve na última edição sabe o que quer dizer participar numa assembleia plenária do Terra Madre, sabe o que significa aprender qualquer coisa com os outros, encontrar-se nos Laboratórios da Terra, o que significa interceptar a humanidade que transita no Salone del Gusto ou ali apresenta os seus produtos. Até vocês, que sabem o que significa, não estão tão frenéticos por estes dias, como nós que estamos tratando da organização.

Este ano no Terra Madre apostamos sobretudo nos jovens, na sua capacidade de criar uma rede, na sua vontade de regressar à terra e de permanecer nas terras dos seus pais para salvar o solo e a agricultura. Haverá a novidade dos agricultores-músicos e dos sons das comunidades e tenho a certeza que os cantos rurais de todas as partes do mundo conferirão ainda mais paixão ao evento, acompanhando-nos todos os dias, mostrando-nos algo mais.

Terra Madre e Salone del Gusto são eventos que surgiram também para aprender, para que as pessoas possam regressar às suas casas mais conscientes do que representam, depois de ter visto como trabalham outros em outras partes do mundo, depois de terem provado coisas novas, depois de terem aprendido técnicas de produção novas, depois de terem visto na prática toda a diversidade cultural do planeta concentrada num só local. Terra Madre 2008 será uma lição para quem participar, e também para quem organiza: não podemos prever os projetos novos que irão surgir, que agriculturas se salvarão, quais as comunidades que mudarão para sempre a sua história depois daqueles dias mágicos no final de Outubro. Não podemos ainda saber que idéias fulgurantes lhes irão ocorrer nos dias posteriores ao evento, antes de se traduzirem nos meses seguintes em novas atividades para o movimento.

Vamos ao Terra Madre com este espírito, como esponjas que vão absorver tudo o que conseguirem, no fundo é uma ocasião única. Mas vamos também para celebrar: a diversidade, as nossas culturas, a nossa vontade de criar um mundo melhor, a nossa vontade de nos divertirmos. Porque sem o prazer de fazer as coisas, de comer, de estarmos juntos, de partilhar o que sabemos, não há felicidade.

Estou à sua espera, estamos à sua espera.

Este texto foi escrito para o editorial da Newsletter Terra Madre 14

_________________________________________________
Carlo Petrini é o Presidente Internacional do Slow Food

10 Comentários

  • 1. katia Karam Toralles  |  5.10.08 às 5:54

    isto é que é um cartão de visita!!!!!! e Petrini realmente tem razão: nós que ja tivemos oportunidade e grande felicidade de estar num Terra Madre sabemos sua dimensão. No entanto, a ansiedade este ano é mesma, imagina, agora teremos agricultores -músicos, e os jovens…tanta novidade!! Faltam apenas 18 dias e ja me sinto uma esponja, sentindo, intuindo o que iremos vivenciar……
    Viva o Terra Madre!!!!!

    nos encontraremos em breve

    abraços

    Katia

  • 2. Juliana de Andrade  |  5.10.08 às 8:39

    Fiquei emocionada…acho que ser bem recebida em qualquer lugar independente da dimensão é um pouco do que busco…oferecer e cozinhar para quem recebo sendo justa com que produz e com quem consome.

    Em breve estaremos juntos…que bomÉ isso mesmo:sem partilhar o que sabemos é impossível ser 100% feliz!Boa viagem p/ todos.

  • 3. Willian Rada da Rocha  |  6.10.08 às 8:32

    Olá todos! É a primeira vez que irei ao encontro do Terra Madre. Compartilho com vocês minha ansiedade e expectativa de um evento inesquecível. Quero levar minha bagagem de 15 anos de agricultura ecológica e as coisas boas aqui do sul do Brasil para compartilhar com todos!
    Grande abraço e até lá!

  • 4. Evanilda T. Perissinotto Prospero  |  6.10.08 às 9:44

    É o meu primeiro Terra Madre e a minha ansiedade é grande, como de todos. Abrir espaço para o conhecimento é extremamente gratificante assim como sentir um pouco de minhas origens e de meus bisavós agricultores.
    Vou realmente como uma esponja ou como uma xícara vazia para ser preenchida, e se trocar meus humildes conhecimentos e puder ser útil estarei imensamente feliz.
    Vou com os mesmos objetivos do Sr Petrini …e vou me emocionar…
    Um abraço a todos os agricultores e chefs e a todos que estão trabalhando intensamente para que este evento aconteça.
    Abraços a todos e até lá.

  • 5. Alessandra Brant  |  6.10.08 às 2:43

    Compatilho com emoção de todos!!!
    Obrigada Sr. Petrini.
    E a todos, um ótimo Terra Madre!!!

  • 6. Nelsa Inês Fabian Nespolo  |  6.10.08 às 9:21

    Desde o dia que nos feito o convite, já estamos vivendo este encontro. É um momento especial encontrar os mesmos lutadores, com idéias e sonhos afinados e melhor ainda com práticas.
    É um orgulho estar neste encontro e levar a oque estamos construindo com Justa Trama, estaremos lá Nelsa e Chagas para usufruir e também para contribuir.
    Um grande abraço a todos.
    Até logo

  • 7. Eliane dos Reis  |  7.10.08 às 9:15

    Eu já estive no Terra Madre 2006 e posso dizer que é emocionante e enriquecedor. Estou ansiosa para viver este momento novamente e aproveito a oportunidade para dizer obrigada a todos que estão trabalhando na organização deste grandioso momento. Abraços a todos e até breve. Fortaleza do Pinhão da Serra Catarinense.

  • 8. Antonio Ilsom B.Constantino  |  7.10.08 às 10:24

    Antecipadamente, quero agradecer a oportunidade de participar do terra madre, e compartilhar conhecimentos em um evento que reune diversidades de produtos,culturas e etnias de vários póvos do planeta. O intercâmbio de conhecimentos, favorecem a valorização e o resgate dos produtos esquecidos ou poucos consumidos pelas populações do mundo. Abrços a todos e uma boa viagem!!! Ilson B.Constantino

  • 9. Maria Cristina Vannucchi Leme  |  7.10.08 às 3:58

    Eu, que só conheço o Terra Madre – Salone del Gusto por textos, folhetos e vídeos, fico imaginando quão maravilhoso deva ser participar “ao vivo e a cores”.
    A vocês, representantes do Brasil no Terra Madre, desejo um ótimo encontro e que voltem embebidos de entusiasmo e nos contagiem a todos!
    Em tempo: o catálogo Brasil – Salone del Gusto está maravilhoso!
    Forte abraço,

    Cristina

  • 10. Silvana Ferrigo  |  7.10.08 às 6:44

    Olá !!
    É o meu segundo Terra Madre, mas a emoção, ansiedade e alegria que estou sentindo é até mais intensa que a do primeiro, pois além de estar novamente em um evento maravilhoso, estarei revendo pessoas com quem convivi naquela ocasião, inclusive pessoas especiais de Turim que nos deram uma atenção fora do comum, sendo um encontro inesquecível em todos os sentidos.
    Obrigada Carlo Petrine, obrigada Roberta Sá, obrigada Lia Poggio e toda organização do evento pela oportunidade e alegria de ser Slow Food.
    Grande abraço e até breve em Turim.
    Silvana Ferrigo

Ecogastronomia Extinção de espécies alimentícias Programação detalhada do eventoVozes do Terra Madre Voluntários
Realizado por:
Slow Food
Em colaboração com:
Regione del Veneto IMCA
Educação em FocoFunarte
Em parceria com:FIDA
SIDMINCSDTMDABrasil - Governo Federal
DoDesign-s Design & Marketing

» Terra Madre Brasil | Fazer login

© 2010 Todos os direitos reservados aos autores das fotos e textos.
Não é permitido reproduzir o conteúdo deste site sem citar a fonte, link e o autor.